Welcome to Breast Enlargement World

Mamoplastia

Fonte: Dra. Mallmann Revisado por Dr. Salguero (Médico)
Ginecologista e dermatologista para www.guia-feminina.com (nº Ordem dos Médicos: 22831)
(nº Ordem dos Médicos: 49843)

O que se entende por mamoplastia?:

Mar. 16, 2010. A mamoplastia pode ser tanto para aumento como para redução das mamas, no entanto nesta secção iremos centrar-nos na mamoplastia para aumento do peito que é normalmente a mais solicitada e procurada pelas mulheres.

Na mamoplastia de aumento do peito o mais comum é implantar próteses de silicone, dependendo em grande parte a forma de levá-la a cabo, da morfologia e das necessidades da mulher. Actualmente está muito na moda entre as mulheres este tipo de mamoplastia, porém, deve ter bem presente que uma operação tem os seus riscos associados apesar das técnicas já terem sido muito aperfeiçoadas com o passar dos anos.

Tipos de operações

No caso de mulheres magras que tenham muito pouco peito, normalmente a prótese será colocada por baixo do músculo peitoral. Por outro lado, em mulheres que tenham um peito considerável este será implantado por baixo da glândula mamária.

Também existem diferenças significativas entre as incisões para introduzir as próteses que se farão na mamoplastia, que podem ser à volta da aréola, no sulco abaixo do peito ou na própria axila. Normalmente, cada cirurgião estudará o seu caso e irá aconselhá-la sobre o método que acha mais conveniente para si.

Ao mesmo tempo a mamoplastia será diferente de acordo com o tamanho do peito que queira colocar e tendo sempre em conta a estrutura corporal da mulher em questão.

Riscos da cirurgia

É muito importante que conheçam que existem riscos associados à mamoplastia, tanto pelas complicações da própria operação como pelas da anestesia, os inevitáveis erros humanos e a possível rejeição por parte do corpo da paciente.

Recomendações sobre a mamoplastia

1. Caso se decida pela operação recomendamos que vá a clínicas e consulte cirurgiões de prestígio reconhecido e que não poupe no dinheiro, a sua saúde está em jogo.
2. Compare diferentes opiniões médicas profissionais
3. Informe-se sobre os riscos associados à mamoplastia
4. Leve o seu tempo e não se precipite
5. Faça ao cirurgião todas as perguntas e questões que lhe ocorram em relação à operação de mamoplastia

A informação proporcionada na nossa página web tem apenas o objectivo de informar os nossos leitores sobre tratamentos, conselhos e notícias relacionadas com o peito. Em nenhum caso esta informação pretende substituir o conselho ou relação necessários entre médico e paciente. O Guia-feminina.com não se responsabiliza pelos danos que possam ser ocasionados pela utilização de qualquer tratamento ou informação sem a prévia autorização do seu médico especialista. A utilização de qualquer informação desta página web sem a supervisão de um médico ou profissional será entendida como auto-medicação.